E-Mail Marketing: Como criar uma estratégia que gera resultados

Compartilhe esse artigo:

Está querendo criar um mail marketing e não sabe por onde começar? Veja como criar estratégias eficientes para o seu mail marketing. 

O que é e-mail marketing

E-Mail Marketing é a comunicação que acontece entre uma empresa e o cliente via e-mail. É por meio do e-mail marketing que as empresas disparam conteúdos, expõe produtos da organização e também divulgam promoções. 

Além disso, fazer e-mail marketing também é uma forma de gerar publicidade para clientes e potenciais contatos. Bem como, é uma forma de estreitar o relacionamento com os seus clientes. 

Com a tecnologia avançada estes e-mails são enviados através de uma ferramenta de disparo de e-mail. Além do disparo, estas ferramentas são capazes de medir métricas, como e-mails abertos, cliques nos links, visitas ao site e outras informações do e-mail marketing que foi enviado. 

Muitas pessoas pensam que fazer um e-mail marketing é simples e pode ser elaborado por qualquer pessoa. Porém, para que alcance as expectativas necessárias e a empresa veja resultados e conversões, é recomendado o apoio de um profissional ou uma agência capacitada, já que existem diversas estratégias que podem despertar o desejo do consumidor no e-mail marketing. 

Por que fazer e-mail marketing 

 Apesar das redes sociais serem o foco de muitas empresas, os e-mails marketing são fundamentais para determinadas estratégias. Muitas vezes, são ainda mais efetivos para a geração de leads e conversões em vendas. 

Selecionamos os principais motivos para a sua empresa fazer e-mail marketing. 

1- Grande alcance

Enviando e-mail marketing é possível alcançar um grande número de pessoas. Estas pessoas podem se tornar futuros clientes se você souber trabalhar a jornada do consumidor e o marketing de conteúdo nos seus e-mails. 

2- Alcance previsível 

Por conta dos algoritmos das redes sociais, quando uma empresa faz um post pode ser que nem todas as pessoas o vejam. Por conta disso, você não consegue ter uma previsão de quantas pessoas o post vai alcançar.

Por outro lado, com o e-mail marketing é possível prever quantas pessoas vão receber na caixa de entrada o seu e-mail. Por exemplo, se uma empresa enviar e-mail para 200 endereços de contatos, todos os 200 contatos receberão o seu e-mail. 

3- Formato Flexível

O e-mail marketing pode ser elaborado como a empresa achar melhor, basta ter noção de boas práticas para não exagerar. Você pode fazer um e-mail com templates fixos, inserir imagens, gifs e até mesmo gráficos. 

O importante é que ele tenha uma estratégia de e-mail marketing para garantir boas taxas de abertura. 

4- Alto retorno financeiro

Quando bem elaboradas, as campanhas de e-mail marketing trazem excelentes retornos financeiros para a empresa. Isso porque a taxa de conversão é bem executada e o lucro é considerável. 

Criando uma estratégia de e-mail marketing 

A estratégia de e-mail marketing é extremamente importante para que os resultados de uma empresa sejam efetivos. Por isso, selecionamos as principais dicas para você formar a sua estratégia. 

Antes de tudo: Equilíbrio

O e-mail marketing atua como um vendedor da sua empresa. Por isso, precisa ser equilibrado para que tudo se mantenha no controle. 

O seu e-mail não pode ser desagradável. Por exemplo,  quando você vai à uma loja e o vendedor fica sentado, mexendo no computador e não te dá atenção. Ou, quando o vendedor fica te empurrando produtos que você não deseja. 

O e-mail marketing precisa ser atencioso, mas não apelativo para evitar que os seus leads se afastem da empresa. 

1)Planejamento de público-alvo

Conhecer com quem você está falando, o seu público-alvo, é fundamental para qualquer empresa. É preciso saber quem são as pessoas que vão consumir os seus produtos e o que elas esperam de você. Assim é possível ganhar a confiança do seu público. 

 2)Objetivo

É necessário estabelecer quais são os objetivos do seu e-mail marketing. Você pode formular algumas perguntas para começar a elaborar a sua estratégia. Como por exemplo, se o seu objetivo é ter descobrimento de marca, vender, informar ou gerar indicações. 

Após definido o seu objetivo é a hora de traçar uma estratégia em cima dos seus ideais para a aquele e-mail marketing. 

3) Linguagem da Empresa

Para escrever o seu e-mail marketing é essencial ter conhecimento do tom de voz que a empresa possui perante aos clientes. Se é um tom mais informal ou formal. A definição da linguagem pode ser baseada na persona.

4) Criação de template

Apesar do e-mail marketing ser flexível e poder conter vários estilos é legal que você siga a mesma identidade visual. Para que a marca seja reconhecida com mais flexibilidade. Isso faz com que os seus contatos abram o e-mail e saibam que é da sua empresa. 

 Lembre-se de sempre colocar no meio ou no final do email um call to action (chamada para ação), chamando o seu contato para uma ação imediata. Pode ser para saber mais, comprar ou até mesmo baixar o material imediatamente. 

5) Planejamento de Calendário

Depois de definir o seu público, objetivo, linguagem e a identidade visual do seu e-mail marketing é a hora de estabelecer o calendário dele. É nessa hora que o bom-senso deve ser levado em consideração. 

Tudo vai depender do planejamento que você fizer para o público alvo e o tipo de ação que será feita. E-mail marketing disparado com muita frequência pode afastar o público ou não, você tem que fazer o teste com o público que quer atingir para saber se suas metas serão alcançadas ou não. Lembrando que, seus e-mails podem se tornar spam e diminuir as taxas de entregabilidade, caso faça ações indesejadas para e-mail que não autorizaram o recebimento. Por isso, selecionamos as principais dicas para montar um calendário mais efetivo de e-mail marketing. 

1.Periodicidade: Você deve enviar os seus e-mails constantemente e em horários pré-definidos. Para ter mais precisão de data e horário, você pode analisar em qual horário e dia da semana seus e-mails possuem uma boa taxa de abertura. 

2.Frequência: Defina quantas vezes por semana a sua empresa vai disparar. O aconselhável é de 1 a 2 emails por semana. Porém este número pode variar de empresa para empresa e de planejamento para planejamento. 

3.Crie um calendário: Determine um calendário com as datas, horários e para qual público os e-mails serão disparados. Com isso você consegue otimizar o fluxo de produção e-mail marketing. 

6) Segmente 

Antes de disparar os seus e-mails uma dica muito boa é segmentar o seu público de acordo com o momento de cada cliente. Ou seja, ter uma e-mail para público que não conhece a marca, para quem já conhece e para clientes com a finalidade de fidelizá-lo. 

7) Análise 

Analisar o resultado do seu e-mail marketing é muito importante para medir o que está dando certo e o que precisa ser melhorado. 

Veja algumas perguntas que você pode fazer para analisar seus e-mails. 

  1. A segmentação está correta?
  2. Meus e-mails estão sendo entregues corretamente? 
  3. Preciso melhorar alguma estratégia do e-mail marketing?
  4. As ofertas que estão sendo propostas fazem sentido? 
  5. Minha lista de e-mail é válida?

Principais métricas 

As principais métricas vão te ajudar a entender como está o funcionamento das suas campanhas de e-mail marketing. Por meio destas métricas é possível encontrar problemas e soluções para um melhor aprimoramento, se necessário. 

-Abertura: Corresponde a quantidade de pessoas que abrem o e-mail enviado. É importante para verificar se os seus e-mail estão sendo vistos para trazer o objetivo desejado. 

-Cliques: É uma boa métrica para analisar se o volume de cliques que a sua campanha está tendo são aceitáveis ou abaixo do esperado. 

-Conversões: Responde ao número de conversões que seus e-mails estão fazendo e se atendem ao objetivo da campanha. Por exemplo, se está vendendo, gerando leads ou até mesmo o download de material. 

-Bounce: Métrica referente aos emails que estão retornando devido a algum erro, ou seja que não estão chegando na caixa de entrada do seu contato. 

-Hard bounce: Te mostra quantos e-mails da sua caixa de contatos inválidos, isso é bom para retirá-los e fazer uma limpeza de base. 

-Teste A/B: Essa métrica é muito legal para analisar dois tipos de e-mail com o mesmo objetivo e conteúdo diferente. Você deve fazer e-mail com diferentes: horários, assuntos, layouts, call to action, textos e segmentações. 

Dicas para escrever um e-mail marketing 

Saber o que escrever em um e-mail marketing parece simples. Porém o conteúdo de um e-mail é um dos principais elementos para fazer com que o objetivo da campanha dê certo. A pessoa que for escrever o e-mail deve ter conhecimento sobre marketing de conteúdo e momentos de compra do funil de vendas. 

O tempo médio de atenção hoje das pessoas é de 8 segundos e por isso é muito importante ter determinados cuidados na hora de escrever um e-mail marketing. O texto deve ser curto, além de claro e objetivo. Após escrever, releia tudo e retire o que não for necessário.

Uma dica para definir o assunto do e-mail, é escrever 5 tipos diferentes de assuntos e escolher 1 deles. O ideal é que ele seja atrativo para incentivar a abertura do e-mail. 

Além disso não esqueça de utilizar a linguagem e tom de voz de acordo com a persona e seu público alvo. 

Como construir uma lista de e-mail marketing 

Para você conseguir formar uma lista de contatos para e-mail marketing o primeiro passo é inserir no seu site/blog um espaço onde os visitantes possam se cadastrar por vontade própria para receber informações sobre a sua empresa. 

Além disso, você pode utilizar ferramentas no seu blog que permite colocar caixas de captação de e-mail em qualquer lugar do seu site. 

Para deixar a sua lista mais qualificada, você pode pedir informações extras sobre os visitantes. Mas, também não é recomendável fazer perguntas demais, pois pode fazer com que a pessoa que está se cadastrando desista. 

Outra consideração é segmentar os e-mails da sua lista de contatos para enviar e-mail marketing. Isso porque  a segmentação permite enviar mensagens mais certeiras e que alcançam o objetivo do e-mail marketing. 

A segmentação de contatos pode ser separada por idade, localização, ocupação, compras anteriores e também de acordo com as etapas do funil de vendas. Porém, vale lembrar que é importante manter os contatos já existentes e não descadastrá-los. 

Checklist para e-mail marketing 

Agora que você já sabe como montar uma estratégia de e-mail marketing, é importante ter um checklist para se certificar que todas as etapas do e-mail estão sendo cumpridas. 

Além disso o checklist  te ajuda a memorizar tudo o que você precisa fazer quando estiver construindo um e-mail marketing. Fizemos uma listinha com tudo o que você não pode esquecer. 

  1. Planejamento: verifique se o seu e-mail marketing está de acordo com o planejamento e objetivo esperado. No planejamento você deve checar se o seu público- alvo, segmentação e conteúdo estão corretos. 
  2. Calendário: Certifique-se se o estão definidas as datas e horários de disparo do e-mail marketing.
  3. Conteúdo: Análise se o conteúdo do e-mail marketing está curto, claro e objetivo. Além disso, verifique se o conteúdo está dentro do planejamento do e-mail marketing.  
  4.  Layout do e-mail: Verifique se o layout está bem elaborado e faça um teste para ver se ele contém erros. 
  5. Disparo: Por fim, o ideal é realizar um disparo teste para analisar se o seu e-mail marketing está cumprindo com tudo o que foi desejado. 

Conheça alguns tipos de e-mail que podem ser enviados 

1.Newsletter

É um e-mail informativo e periódico. Por meio dele é possível manter relação boa com o seus contatos e os atualizando sempre que houver novidades. 

A newsletter funciona muito bem como uma aliada de interação.  Com os click dos clientes nos links inseridos na sua newsletter é possível entender qual o interesse do seu cliente e segmentar o e-mail da melhor forma possível. 

  1. E-mails Promocionais

O e-mail promocional é aquele em que a empresa oferece um tipo de produto ou serviço para a base de contatos. Este tipo de e-mail marketing deve ser direto e objetivo. As mensagens visuais são fundamentais para que prenda o interesse do cliente. Além disso, no e-mail promocional a segmentação precisa ser correta para atrair a persona planejada.

  1. E-mails sazonais 

São aqueles que são enviados nas datas comemorativas. Mas vale a pena ficar atento se a data tem a ver com o perfil da sua empresa, produtos e clientes com o qual você trabalha. 

  1. E-mail de boas vindas

Os e-mails de boas vindas costumam ser enviados quando o consumidor se cadastra no seu blog ou compra algum tipo de produto. Este e-mail para fazer sentido precisa ser enviado imediatamente e automaticamente logo após a ação da pessoa. 

Mas tome cuidado com o tom do seu email, isso porque  a pessoa pode ficar receosa com medo de ser incomodada.

  1. E-mail para cliente inativo 

Pode ser que a sua base de contatos contenha e-mails que não estão mais comprando os seus serviços. Para reconquistar este público um e-mail com novidades, ofertas únicas e com conteúdos que mostre que ele é especial pode ser fundamental para transformar ele em cliente ativo novamente. 

6.E-mail marketing de e-commerce

As lojas onlines utilizam o e-mail marketing como um grande aliado para os negócios. Você  pode fazer e-mail com os cadastros de pessoas que já compraram na sua loja e com aquelas que abandonaram o carrinho de compras com produtos. 

Gostou das dicas de e-mail marketing?

Entre em contato com a Mais M3 Agência para conversar com um de nossos especialistas em e-Mail Marketing para melhorar os resultados e conversões de sua empresa!

Compartilhe esse artigo:

Receba dicas
gratuitamente

Sobre nós

Mudamos nossa história, mas não perdemos a marca da inovação. A M3 AGÊNCIA DIGITAL agora é MAIS M3 AGÊNCIA DIGITAL, pois vamos oferecer aos nossos clientes: 

+ MARKETING
+ MÉTRICAS
+ MÉTODOS

Fale conosco

Niterói
21 3591-3296
21 99720-6574

contato@maism3.com.br

Copyright © 2018 Mais M3 Agência. Todos os Direitos Reservados.